Nelore Grendene

  • Telefone (65) 3333-4444
  • nelore@grendene.com.br
Touro verde: sistema de integração agropastoril eleva taxa de lotação de touros em 120%
15/08/2016

Touro verde: sistema de integração agropastoril eleva taxa de lotação de touros em 120%

O consórcio com brachiaria contribui para a efetividade do Sistema de Integração Agropastoril, que elevou a taxa de lotação de animais em 120% na Fazenda Ressaca, em Cáceres (MT). O resultado é um touro moderno para evolução do rebanho e com uma alimentação prioritariamente a pasto, podendo ser chamado de touro verde.

Constante avaliação dos piquetes, adubação do solo, integração com a soja, diversificação de capins e manejo personalizado são algumas das estratégias que devem ser empregadas para atingir ganho de peso com a média de 0,8 quilos por touro ao dia e superar as médias comuns.

Levando em consideração o impacto para os animais de corte, o resultado é mais produtividade. Em um indicador composto pelo ganho de peso individual dos animais (kg/dia) e a quantidade de animais/ha, é possível verificar que esse aumento na taxa de lotação reflete diretamente sobre a produtividade do rebanho de reprodutores e de corte, com maior produção de carne.

De acordo com o zootecnista, Djalma Freitas, um método importante a ser empregado é o sistema de pastejo rotacionado, que se caracteriza por períodos de ocupação e de descanso para a recuperação do capim. Ambos ocorrem durante todo o ano e devem ser intensificados no período das águas.

“Um dos critérios utilizados para o manejo da pastagem é a altura do capim, mas também é considerada a quantidade residual de folhas, permitindo assim o mais rápido restabelecimento da planta forrageira e, consequentemente, o desempenho animal”, afirma Freitas, que também é mestre em nutrição de ruminantes e doutor em produção animal.

O manejo empregado, que evita o superpastejo e mantém a centimetragem do capim, tem se mostrado eficiente para o desempenho dos touros da Fazenda Ressaca. “Respeitamos a melhor condição do capim potencializando a produção e o aproveitamento pelos animais. Em função desse critério manejo e a rebrota não são prejudicados”, declara o zootecnista.

Touro verde: sistema de integração agropastoril eleva taxa de lotação de touros em 120%

 

Clickweb Agência Digital